Escolha uma Página
Compartilhe essa newsletter

News of the week

Os acontecimentos mais importantes do mundo de inovação diretamente para você.

img_news_1.jpg

Desde o dia 11 de abril até domingo passado, ocorreram as eleições na Índia. Com mais de 900 milhões de votantes, é o maior exercício democrático do mundo. E custa US$ 7 bilhões. Apesar desse tanto de gente, o governo indiano deu uma bela demonstração de que cada voto importa. Em um das fases da eleição, 4 autoridades eleitorais acompanhados por 1 policial caminharam por 70 km no meio da mata do Parque Nacional da Floresta de Gir para instalar um local de votação especial. Tudo isso para garantir que Bharatdas Darshandas, um padre de 69 anos, conseguisse votar.

img_news_2.jpg

News of the week

 

Os acontecimentos mais importantes da semana.

Venture Funding In Brazil Soars To $1.3B In 2018

“Brazil has the potential to be an economic powerhouse.” Foi assim que essa reportagem do Crunchbase começou. Com a recente explosão de unicórnios, vinda de diversos investidores gringos e amadurecimento do ecossistema local, quando o assunto é Venture Capital, o Cristo está de fato decolando. Crunchbase

img_news_3.jpgTrends to watch.

De olho nas tendências mundo afora.

O Mercado de Meio de Pagamentos

Em um mercado que vivia de abundância, agora vigora uma briga de taxas. É taxa zero pra cá, dinheiro na hora pra lá. Mas na sexta passada em um hotel em São Paulo, a Justa, investida da A5, fez um convite para os presentes. Convidou-os a tomar a pílula azul que foi distribuida para todos e sair da matrix, entrando na realidade Justa. Um mundo de taxas justas, transparentes e sem pegadinhas. Essa foi a 2º Convenção Justa!

Começaram por desmistificar essas grandes promoções que surgiram nos últimos meses. Porque quando se olha nas entrelinhas, percebe-se as rugas. E a Justa sempre mostrou o Custo Efetivo Total das transações, afinal de contas, quem não deve não teme. Muitas vezes são mais baratos, algumas outras não, mas sempre são transparentes! E ai você me pergunta como que tem ido a empresa sob essa estratégia e eu digo muito bem, obrigado. Cresceram dois dígitos todos os meses desde a criação e já estão em todos os Estados do Brasil. Mas isso é apenas o começo. A Justa não é uma máquina de cartão, é uma máquina de crédito. Já começaram as primeiras operações e daqui ninguém os para.

Mas a Justa não acredita em brigas. Acredita em parcerias. Primeiramente com os Justos, a sua força de representantes comerciais que suportam esse crescimento e juntos viajaram mais de 150 mil/km para participar da convenção. Também estavam presentes o pessoal da REDE, ELO, BS2/ADIQ, Mercado Pago, PAX, RedePRO, SKYTEF, JoitSolutions, VIA, ATS, Épica, Cigam e Parlacom, nossos grandes patrocinadores do evento. Por fim, encerraram com uma bela palestra motivacional do Mauro Muratório, ex-presidente da Microsoft.

E você? Qual pílula irá tomar?

img_news_4.jpg

Deep dive

 

Uma seleção de artigos e reportagens interessantes.

Take a tour inside Tesla’s first Gigafactory

9 min – Quando a Gigafactory 1 da Tesla alcançar todo o seu potencial será o maior prédio do mundo. O sonho do Elon é tornar os carros elétricos mais acessíveis. Para isso ele aposta na produção em massa das baterias. Hoje a Tesla produz mais baterias do que todas as outras montadoras combinadas, respondendo por 60% da produção global.

E quando o assunto é energia renovável, baterias também são uma peça essencial, afinal de contas o sol não brilha o tempo todo e muito menos o vento sopra. Por isso é preciso de baterias para guardar essa energia. Quando estava gravando o documentário Seremos História? (disponível no Netflix), Leonardo DiCaprio visitou essa fábrica. Ele perguntou para o Musk quantas Gigafactories seria preciso para produzir as baterias necessárias para suprir o mundo inteiro com energia renovável. A resposta do Musk foi: Apenas 100. CNBC

We froze the salaries of 20 executives – and it improved the lives of 500 employees

5 minutos – Quando o CEO da CareCentrix assumiu a companhia, a receita estava estagnada, as margens caindo e o turnover nas alturas. Muitos de seus funcionários ganhavam o salário mínimo de $7,25/hora e alguns passavam por dificuldades do tipo “Estou morando com meu filho no carro.” A solução? Congelaram a correção inflacionária dos salários de 20 executivos e usaram esse dinheiro para dobrar o salário dos que menos ganhavam. A companhia triplicou de tamanho em apenas 5 anos. Segundo o CEO “An investment in the workforce is one of the best financial decisions to make.” The Guardian

Why Leonardo da Vinci’s brilliance endures, 500 years after his death

20 min – Poucas pessoas na história tiveram tanto impacto em tantas áreas como Leonardo da Vinci. E isso considerando que no mínimo dois terços de todo o seu trabalho tenha sido perdido na história. Além de ter pintado alguns dos quadros mais renomados e valiosos do mundo, suas contribuições abrangeram diversas áreas como anatomia, cartografia, hidrodinâmica, engenharia civil e militar, óptica, geologia, entre outras. Acima de tudo ele era um homem curioso. E usava sua genialidade para tentar responder suas dúvidas e criar a partir delas. Sua To-do List ia desde “construir lentes para ver a lua melhor” até “descrever o que causa uma risada”.

Muitas de suas invenções eram muito a frente de seu tempo, entre elas protótipos de helicóptero, tanques de guerra, uso da energia solar, calculadoras e teorias sobre as placas tectônicas. E um belo exemplo de como tudo isso ainda causa impacto e espanto vem de seus estudos na anatomia humana. Há alguns anos, quando o professor Calvin Coffey da Universidade de Limerick na Irlanda estava conduzindo sua pesquisa, ele descobriu que um desenho do coração humano feito por Leonardo em 1508 confirmava a teoria que ele estava tentando validar. Ele conseguiu isso dado a uma habilidade inigualável de dissecar o corpo humano, algo que mesmo hoje com toda a tecnologia e conhecimento cirugiões têm difículdade em replicar. “Sempre quando eu acho que terminei com o Leonardo, ele sempre volta.” Diz um historiador que se dedica às obras do Leo há 5 décadas. National Geographic

“Learning is the only thing the mind never exhausts, never fears, and never regrets.”


Leonardo da Vinci

© Copyright 2018
Todos os direitos reservados por A5 Capital Partners


Compartilhe essa newsletter